Pimenta Alecrim Palavra - Sonia Guzzi

MEU OUTRO BLOG - SONIA GUZZI
- Meu e-mail: soniaguzzi@hotmail.com

terça-feira, 2 de agosto de 2011

Propósito


Gosto do vermelho da terra,
que cola na mão que trabalha,
e o evento que encerra,
a promessa que agasalha.
 
Gosto da rubra amoreira,
vergada, exausta em bagos,
no destino doce obreira,
ventre parido em afago.

Gosto das mãos cinzelando,
um céu escarlate em susto,
nuvens, também anjos robustos.

Gosto do olhar amoroso,
que pranteia a dor do mundo,
e acolhe em amor profundo.

Sonia Guzzi

5 comentários:

  1. A amoreira exausta adoçando a dor do mundo, lindo poema. Um abraço, Yayá.

    ResponderExcluir
  2. Exuberante!!!!!!!

    Bjs

    Dega

    ResponderExcluir
  3. Lindo!!! Bom dia a você amiga, bjs

    ResponderExcluir
  4. O cotidiano em visão poética, enaltecendo o trabalho,a natureza e o amor! Lindo, bjs.

    ResponderExcluir
  5. olá amiga, lindo poema, obrigada pela visita e por me seguir.terê.

    ResponderExcluir